Onde todos podem uivar o que quiserem... vejam por mim!

15
Jun 04
Tenho me abstido de fazer comentários aos palavreados, ás vezes rudes, grosseiros e pouco simpáticos que fizeram no meu Blog sobre a Britney e a minha pessoa.

Conclui também que ninguém leu o que escrevi. O que é natural... já ninguém gosta de ler.

Eu nunca disse que o espectáculo foi perfeito. Eu nunca disse que foi a maior coisa do mundo. Apenas disse que não foi uma merda! E lamento nesta exaltação que o dia me pôs e que ninguém tem nada a ver com isso, usar esta palavra grosseira.

Que foi uma passagem de Lingerie...sei eu. Eu estava lá...E vocês, estiveram? Muitos parece que não!!!!Viram pela televisão, que dava mais jeito e não fazia gastar dinheiro (boa decisão!)... mas não vos dá o direito de enchovalhar.

Quanta porcaria passou por lá e eu não disse nada ahm? Devia que era o que mercia muita gente que acha que os alinhamentos estavam bem feitos e que apesar de jornalistas exemplares não leram nem uma linha do que se disse nos jornais estrangeiros sobre a porcaria de alinhamentos dos dias 5 e 6...

E lamento dizer para quem achou que aquilo estava organizado e que não viu as intoxicações alimentares, as pessoas fartas de deseorganização, os rock que só se podiam destrocar às 2 da manhã e que só davam para um dia, e a tenda vip que para além da comida de jeito, como um certo RP disse (porque passou por lá o cu e nada mais fez...de certeza era da organização e nada mais!) nada mais tinha de bom...com excepção de umas meninas a dançar voluptuosamente (Marta Cruz) e outras a dar um show de loucura (Pimpinha Jardim) - eu sei, porque estive lá- e claro, aqueles idiotas que apenas foram para lá porque tiveram bilhete de borla... como aliás tiveram tantos outros através dos estúpidos concursos que existiram por ai, tudo porque para além da publicidade o Rock in Rio foi um absoluto fracasso! Bilhetes vendidos...mesmo muito poucos para quem queria 500 mil...nem metade meus lindos!

E lamento que a minha opinião seja sempre contrária à das outras pessoas. Quer dizer que não vou com a maralha e que pelo menos penso de maneira diferente e pela minha cabecinha e não pelos jornais ditos de referência.. coff coff...

Claro que não digo que tenho a opinião certa como uns e outros.. mas as opiniões, como diz uma amiga minha são como as vaginas...e têm que ser respeitadas Ok? Oh Custa muito!!!!!! Eu respeitei que não tivessem gostado...agora insultar o meu eu não! Lamento mas isso não pude admitir.

Claro que adorava ter visto a Alicia Keys que pela televisão pareceu ter sido absolutamente fabulosa, ou o Sting, sempre perfeito. Mas não pude porque tive mais que fazer. Lamento!

Lamento para quem nada tem a ver com isto, mas os dias de raiva são assim mesmo. E como uma lata de coca cola bem agitada, quando aberta só pode dar numa coisa: explosão! E foi o que houve agora e que detesto, pois normalmente não sou assim! Queria ter respondido de forma subtil, simples e sem alaridos, mas qualquer coisa em mim despoletou isto e odiei o que fiz.

Quantas vezes quis apagar isto. Mas não consegui.
Talvez isto me ensine qualquer coisa, nomeadamente a conter-me e a por as bocas de terceiros em oitavo plano como tantas vezes fiz, especialmente quando era de cariz grosseiro! Bem... tendo isto só tenho que pedir desculpa à Susana e ao Mandras (entre outros que não me lembro o nome) pela forma como escreveram, que foi sinceramente bestial..fizeram valer a sua opinião sem magoar ninguém!

Quanto ao resto... O Michael Douglas sabia o que lhes fazer...
Se não sabem...
vejam o filme!
publicado por Psyhawk às 18:49

1 comentário:
Meu querido escrevo na esperança que a sua raiva esteja um pouco mais apaziguada agora que a destilou em palavras. Não ligue, que vozes de burro não chegam ao céu. É demasiado fácil atacar as pessoas quando nos parece que é todos contra um e claro que há sempre os pouco corajosos que se escondem atrás de nicks para insultarem os outros. Não têm classe, não têm inteligência e o menino já devia saber que não se deve nunca discutir com gente parva. Ganham sempre em experiência.

Também não gostei do que vi apesar de não concordar com as acusações que a moça está badocha ( e pronto lá estou eu a comentar a gordura dos outros), mas foi o concerto plástico de uma cantora plástica. Quem lá estava decerto que estava tão contente de a ver que nem ligou ao playback. Para quem acha que as criancinhas ficaram chocadas com as pretensas cenas de sexo, digam-me lá em que século é que vocês vivem. Os miúdos hoje em dia sabem tudo e mais alguma coisa por causa daquela caixinha mágica, o PC. Quem tem net tem uma boa ideia do que ela estava a fazer e muito mais por isso não se preocupem tanto com as criancinhas impressionáveis.mandras
</a>
(mailto:mandras@iol.pt)
Anónimo a 15 de Junho de 2004 às 22:28