Onde todos podem uivar o que quiserem... vejam por mim!

25
Abr 06

O ano já vai a quase meio e poucas ou nenhumas canções chegaram realmente aquecer a malta. Deve ser a falta de sol. Com a excepção de Sorry de Madonna, poucas vezes senti o real prazer de ouvir um single... ficam aqui algumas das mais recentes excepções que acho que qualquer curioso devia vasculhar:

1- I Bet You Look Good on the Dance Floor- Sugababes (inicialmente uma canção indie de uma daquelas bandecas chatas que coloca qualquer um a dormir, transformada num single pop energético, bem produzido e sem papas na língua)

2- Live it Up- Sheryl Crow (entre o pop e o rock, e que faz lembrar um dia de verão)

3- Lovebite- Bananarama (electropop feito na medida certa, capaz de pôr o mais sisudo a mexer-se. É um regresso em grande!)

4- Beautiful World- Sara Jorge (porque também é preciso uma cara nova no meio de tantas que já nos cançámos de ouvir. Entre a dança e o pop e com um cheirinho a verão...tema recorrente!)

5- Breathe- Lenny Kravitz (canção feita de propósito para a Absolut Vodka...Lenny no seu melhor)

6- Jiimy Gets High- Daniel Powter (ok...o James Blunt de 2006...tinha que haver um. E esta canção é capaz de pôr qualquer um a cantar. O chorus é brilhante)

7- Control Myself- LL Cool J feat. Jennifer Lopez (hip hop como realmente deve ser: quente, sensual e capaz de se ouvir até na cama...sim e falo de quando se faz sexo...!)

8- Love You More- Groovenut feat. Kim Wilde (Quem foi o génio? Quem? Ir buscar o chorus de uma das canções mais brilhantes de 1989, You Came de Kim Wilde, e transformá-lo neste hit de dança capaz de contagiar até o menos habilidoso numa pista de dança. E quem quiser também pode cantar. É fácil aprender a letra...garanto!)

9- So Sick- Ne-Yo (digam o que disseram o rapaz faz uma canção R&B como poucas foram vistas este ano vistas!)

10- What's Left of Me- Nick Lachey (e eu a pensar que tudo o que vinha da cabecinha do ex-casal Simpson era uma absoluta desgraça- quem já ouviu o Fired Up da menina Jessica percebe o que quero dizer- Uma canção acústica perfeita, cantada num tom quase singelo. Conseguirá o rapaz fazer este brilharete ao vivo? Não interessa. Uma excelente canção!)

11- Nasty Gir- Notorious B.I.G feat. P.Diddy, Nelly & Jagged Edge (quanto se juntam muitos génios, normalmente o resultado vale a pena)

12- Mamacita- Pharrel Williams feat. Daddy Yankee (porque razão ele é a única pessoa que chama atenção no Super Bock Super Rock...ok, porque não é um dos que cá estão cada 3 meses. Mas este single, diz tudo...perfecto!)

13- SOS- Rihana (Com um sampler dos New Order este é sem dúvida um dos grandes singles para 2006. Eléctrico, bem produzido, bem cantado, contagiante... e se ela não tivesse 18 anos...)

14-Shine- Shannon Noll (este australiano mistura Rock, pop e country de forma perfeita. Este single é a prova disso. Quem não sabe quem o rapaz é, fique a saber que não é um novato no mundo da música e que este não é de todo o seu primeiro single. Mas vale muito a pena!)

15- That's My Goal- Shayne Ward (quando a mão de Simon Cowel toca no que diz respeito á produção de uma canção, algo acontece...e vale a pena...)

16- I'll be Ready- Sunblock (esta já anda nas rádios desde o início deste ano...mas é tão contagiante. E quando se aproveita um hino como o de Marés Vivas para por gente a dançar, não há como ignorar!)

17- For You I Will (Confidende)- Teddy Geiger (depois de Jesse McCartney os americanos estão a dar-nos mais uma prenda. Vale a pena ouvir com atenção...muita, porque um dia ele vai valer milhões! E perdõe-lhe o nome estúpido)

18- Everything I'm Not- Veronicas (rock teenager mas com garra)

 

publicado por Psyhawk às 22:50

Abril 2006
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1

2
3
4
5
6
7
8

9
13
15

16
19
20

23
28
29

30


mais sobre mim
pesquisar neste blog
 
blogs SAPO