Onde todos podem uivar o que quiserem... vejam por mim!

30
Abr 07

Eu gosto dele. A sério que gosto. Conhecemo-nos há tantos anos... somos amigos há mais outros tantos... mas ele é tão chato quando quer.

Se pensam que falo sobre uma mudança de opção sexual, enganam-se redondamente.  Mas a verdade é que as amizades tem destas coisas. Tem voltas e reviravoltas que ninguém sabe bem onde vão parar! E as minhas tem a mania de dar cada pirueta que eu nem sei bem o que fazer.

A verdade é que sempre tive amigos para todos os gostos e feitios. Gordos, magros, altos, baixos, straight, alternative (isto parece aquele anúncio que fizemos para um certo aniversário não parece catinha???!) e por isso sempre fui embebidos de muita informação. Parecia que cada um tinha algo diferente do que falar. Algo novo, engraçado, triste... eu sei lá...mas sentia-me, e sinto, uma espécie de expremedor de laranjas de informação e sentimentos. (eh eh ehe he)

Infelizmente a idade não fez bem a todos. E com o tempo alguns azedaram um bocadinho. Não, não é que os tenha posto de lado...longe disso, que não ponho ninguém, mesmo quando cheiram já a bafio...mas a verdade é que a alguns a idade apanhou-os depressa demais, e aos 30 parecem ter 80. É verdade! Basta olharem para aqueles velhinhos que acham que na vida está tudo mal e apanhamos um desses meus amigos. Nada que se diga é bom. Tudo é mau, uma desgraça e ele tem alternativa para tudo, sobre o moto de protesto. E assim uma tarde porreira aos poucos transforma-se na tarde dos protestos: a culpa é do governos, dos polícias, da falta de tempo, do emprego, nossa, do calor, do frio, dos inquilinos que não pagam rendas, da música que está a sempre a repetir-se nas rádios... eu sei lá. Parece pior que o velho do restelo! E olhem que de velho este meu amigo não tem nada. Mas enfim... acho que ele precisa  ser metido na máquina de lara roupa para voltar a vir, como diz a pgira fresco e fofo. É que senão ponho-lhe um colete, interno-o e já tá.  Haja paciência!

publicado por Psyhawk às 11:08

29
Abr 07

O bom dos pequenos encontros é que, por vezes, podem dar a a origem a mais do que isso. Podem dar azo a bonitas amizades...ou até alguns romances...mas aqui já sou eu a especular um bocadinho!

A verdade é que Mira deu óptimos frutos para todos. De tal forma que Sábado passado alguns dos integrantes daquele passeio até ao Centro do País resolveram juntar-se para mais uns momentos de diversão. Entre uma jantarada, um saltinho ao Estado Líquido e uma pézinho de dança do Blues Café...houve de tudo. E pelo que ouvi vai dar mais...

Meu deus...no que é que nos metemos?!

publicado por Psyhawk às 23:41

Isto está para durar não está?

Se está...

As danças continuam e passam a agora para o MS Club. O convívio continua, alegre e feliz. Aos poucos vão havendo desistências.  Mas também, a idade já pesa e os trinta fazem mossa. Por isso, é normal que na manhã seguinte, ao pequeno almoço, os que andaram por Mira o fim de semana inteiro, estejam com cara de mortos. O que vale é que está tudo bem disposto...apesar do cansaço! Um pequeno almoço reforçado ajuda. Os preços baratíssimos que encontrámos na zona também! Nunca tomei um pequeno almoço com bolos, torradas, sumos e afins por menos de dois euros! Isto é que é terra!

Trocam-se telefones, e-mails e msns...e é tempo de partir. ohhhhhhhhhhhhhhhhhhh

Porém há resistentes. Eles querem dar, antes um saltinho á praia! Mordu, moi, magnólia, pgira e martini man querem mais festa.  Só ouve um senão o cheio a peixe podre... este causou algumas confusões, inclusive um trio de amor  lindíssimo, que incluiu masssagens e tudo...lol...mas isos são outros quinhentos!

 

Mas as horas estão a despaarecer, e a segunda feira estava mesmo ai. Por isso mesmo, e com muita pena nossa, lá partimos nós em direcção aos lares, aos empregos e ao dia a dia. buaaaaaaaaaaaaaa (acho que foi a última palavra que se ouviu)

Para o verão há mais!

publicado por Psyhawk às 23:19

Eis que vamos para a penúltima parte.

Chegam agora os últimos integrantes: Magnólia, PGira e Mordu Chocolat.

É tempo de partir para a esplanada, para uns dedos de conversa.

Á nossa volta são só caras conhecidas e nem todas felizes por voltarem a ver "aqueles pervertidos". É assim. Quem não quer que feche os olhos! Conversa para aqui, mais uma troca de galhardetes para ali e eis que são quase oito da noite. Toca a tomar banho (mais uma aventura com o maldito chuveiro, e com aquele espaço mínimo para tomar banho), trocar de roupa (ninguém quer aparecer como se fosse um pedinte) e receber mais uns convidados: Lurdes, Eumesma e Mina.

 

Partida para o restaurante do senhor Custódio.

É tempo para falar de tudo e mais alguma coisa, mas subitamente a novidade de poder haver sexo anal triplo, toma conta dos convivas. Não de todos, que há quem esteja lá mais ao fundo e não se tenha apercebido do debate (ali rega-se o jantar com bom vinho que provei lá ao fim da janta). Mas há mais...são tantos os assuntos que se perdem entre tanta gente.  E como diz uma das convivas:

"Ai que bueno...mi tira los pantalones, e mi rega com tu nectar del prazer... "(viva o Cana 18 né?)

...acabou por ficar o lema para o fim de semana. Ou não fosse isto uma orgia...de gente gira com ideias brilhantes. eh eh eh eh Depois vem a festinha de aniversário da bela Lovely (completamente improvisda mas feito á meneira!), que entretanto é certificada de babe. A felicidade foi tal que até mudou o nome do blog...ou haverá outro motivo mais topo de gama? Não sei, mas ela um dia explica!

A janta dura, dura, dura... e entretanto é tempo de partir? Para onde?... confesso que já tinha muito vinho no bucho por isso não me lembro do bar onde ficámos primeiro. Sei que a músiva era à vontade do freguês, que o dono do bar era também o empregado, o DJ e o homem da limpeza. Dançam-se mornas, kizombas e umas loucuras espanholas. O ritmo está lançado e quando entramos no pirata ( o bar seguinte)...digamos que estava tudo quente para uma noite memorável.

Mais uma vez a gente da zona fica chocada, mas nessa altura quem é que queria saber? Nós Não! Dança-se, rebola-se, faz-se comboios, dança-se a pares, a trios e a quadras. Engates, troca de olhares, mais um agarranço... mas tudo muito inocente. Afinal só gente amiga ali se reuniu...não é?

publicado por Psyhawk às 22:44

27
Abr 07
" class="ljvideo"> 
publicado por Psyhawk às 18:15

26
Abr 07

Uma amiga minha acabou de dizer a seguinte frase:

"A Tua promessa já tem santa...", referia-se, olhando para mim.

Gostava de saber era...quem seria esse doce? E onde andará? Há para ai candidatas às minhas promessas? Aceitam-se inscrições!

 

publicado por Psyhawk às 15:00

25
Abr 07

Agora deviam entrar as fotos...mas tá difícil fazer exactamente aquilo que quero, por isso vão ter que esperar mas um pouco.

Acordar no Sábado foi o que posso dizer, um processo extremamante difícil. Foi mais ou menos como puxar uma estátua da cama com uma grua. De forma cautelosa ergui-me. Um cheiro a bafio (já anteriormente mencionado)  entrou-me pelas narinas dentro pondo-me nocaute.

Seguiu-se um banho.

E que proeza... num espaço mínimo tive que conseguir, sem inundar a casa de banho, tomar um banho normal. Acreditem...é impossível e quando sai do micro puliban havia um oceano á minha volta. E bravo... havia ondas e tudo! Socorro!

Depois um pequeno almoço...seguido de outro. Sim, porque se o meu acordar foi complicado, o dos restantes elementos foi ainda mais.  E depois veio o almocinho no restaurante do Senhor Custódio, que na Praia de Mira tem um estabelcimento comercial à maneira.

E como estava calor e a lazeira apertava toca a ir para a praia. Ahhhhhhhhhh

Entre confissões, novidades e algumas tricas (e como eu adoro esta parte lol) lá foram chegando mais uns convivas: a bela lovely, seguida do Perdido- que andou sempre um pouco, como ele próprio diz, perdido- , a mordu-du-chocolat, a magnólia e a P.Gira.

Também descobrimos que as nossas caras vão ser, depois deste fim de semana proibidas na região. É que a noite anterior deixou-nos famosos por aquelas bandas e os piropos e as bocas não faltaram. Mas tudo gente sem classe. Queriam eles saber bailar como nós! E dar espectáculos assim! Gente invejosaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaa

publicado por Psyhawk às 11:44

24
Abr 07

Não, não acabei o relato de Mira.

Infelizmente a vida não são só loucuras, bazófias, gajas e bubidas. E em dois dias perdi toda a energia ganha, deixei cair a primeira lágrima do ano, desiludi-me definitivamente com o meu emprego e deixei as esperanças para o ano que vem. O mundo perdeu a cor e não sei onde para o arco iris!

publicado por Psyhawk às 22:48

Não resisti!

A música do fim de semana!

 

publicado por Psyhawk às 00:11

23
Abr 07

Onde ia eu? Esta novela pode parecer que não tem fim, mas terá. É esse o problema com todas as histórias boas. Chegam ao fim! Felizmente, no cinema, quando o realizador até ganha dinheirinho, arranja sempre maneira de lhe dar seguimento. Tipo como o que eu estou a fazer. Ou não seria eu um excelente orquestrador de historietas!  Por isso, e como isto está a ter sucesso até mais não, vou continuar.

Onde ia eu então?

ahhhhhhhhhhhhhhhhhhhhhhhhhh, já ma lembro.

Mira, é engraçada mas mesmo muito pequena.

Por isso quem se torna famoso (ou infame), a bem ou mal, numa circunstância qualquer, fica marcado para a vida toda. Acho que foi o que nos aconteceu. E acredito que nem todos ficaram com a melhor impressão. Mas a esses só tenho uma coisa a dizer: atinem-se!

Sexta pedia festa. E já com uns vodkas no buxo, bebidos no bar mesmo ao lado do cheiro a mofo, partimos para a bela MS Club, a discoteca da zona. E não pensem que era um cafofo! Tinha até elevador e tudo! Chique que só pode!

Estava vazia! Mas o que é que isso importa quando sete doidos querem festa? E nós queriamo tanto! Vai dai, toca a montar um show privado para a gente de Mira( dai termos, pelo que percebi mais tarde, ficado mais infames do que famosos!). Houve direito a um pouco de tudo: dancinhas da moda, coreografias, agarranços e até outras coisas, que um mocinho decoroso como eu não vai aqui mencionar, não é? Apenas posso citar o gingar da Scarlet Johnsan (a bela actriz princpal) e a sensualidade da nossa Clara...ou seria Maria? Por volta das quatro da manhã, já estava um pouco confuso! Afinal, elas até pareciam só uma? Ou seriam mesmo? Seria o vodka a afectar-me a mim...ou a ela? E com o Holiday da Madonna pelo meio, mais um YMCA dos Village People e outras antiguidades do género...já não sei nada!

Enfim... o certo é que a noite acabou na praia, com uns e outros a tomar um banho, quase em pelota...apesar do frio. (Há fotos, mas não as vão ver, eh eh eh ehe)

Por fim, e como já não haviam forças partimos para o bedroom. Ou, seja para o Bafio.

Oh maldito!!

publicado por Psyhawk às 23:58

Abril 2007
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2
3
4
5
6
7

8
9
11
12
14

21

22
28



subscrever feeds
mais sobre mim
pesquisar neste blog
 
blogs SAPO