Onde todos podem uivar o que quiserem... vejam por mim!

30
Mai 08

...percebe-se nas pequenas coisas, nos momentos efémeros e nas lárgimas que deixamos cair porque a emoção nos embarga.

publicado por Psyhawk às 09:36

28
Mai 08

...sinto-me um trapo humano, cheio de dores no corpo, maleitas mil e com um desejo de aterrar na cama e só acordar daqui a duas semanas. Mesmo asism amanhã lá vem mais uma quarta feira. Oremos senhor

publicado por Psyhawk às 01:21

25
Mai 08

publicado por Psyhawk às 13:04

Concluo que cada vez mais está na moda a festa da mangueirada. Que há pessoas que definivamente não deviam tocar no álcool. Que há gente que não é humana e é muito menos que um animal. Que estou velho e que já não tenho a energia de antes e que às seis da manhã estou podre...mas ainda com a capacidade de escrever este post.

E agora xixi e cama...

 

publicado por Psyhawk às 05:33

24
Mai 08

Sim...eu vejo o festival.

E não há paciência para ver aqueles paises lá do raio que os parta a darem votos uns aos outros, sem terem em consideração as canções que são realmente boas.

E eu que nem costumo torcer por nós quando vi a Vânia ali no palco e a soltar a voz até me doeu a alma, porque pela primeira vez em anos afio achei que iamos ter uma excelente votação. Mas, infelizmente, ficámos pelo meio da tabela.

Pior ficaram mesmo as melhores canções de todas: Islândia, Suécia e Inglaterra.

Definitivamente fazer o festival com os Azerbeijões e coisas similares não vale a pena. Mais vale dar-lhes a vitória a ir para casa.

Zzzzzzzzzzzzzzzzzzzzzzzzzzzzzzzzzzz

publicado por Psyhawk às 23:10

Para ti Endor...

O tempo passa e tudo está na mesma. Não nos vemos como antigamente, nem podemos ir a casa um do outro como nos velhos tempos mas a verdade é que a conversa é a mesma, a sintonia mantém-se e ao fim de 10 minutos sinto-me sempre a viajar no tempo e a redescobrir porque é que ficámos bons amigos.

É bom saber que há coisas que nem o tempo muda

PS- a espera no aeroporto não deu em nada. damn!

 

publicado por Psyhawk às 12:31

 

Lembro-me quando há 19 anos estreou em Portugal a Última Cruzada. Estive quase para ir ao cinema, mas como era pequeno e não tinha companhia não me deixaram.

Lembro-me que esperei ansiosamente pela estreia em video, para correr para a loja- deve ter sido uma espera horrível!-  e arranjar o meu.

Fiquei maravilhado e achei que era uma grande despedida do Sr. Indiana Jones. Estava lá tudo: a aventura, a ingenuidade, a simplicidade e toda a fantasia que eu sempre desejei secretamente na minha vida.

 

19 anos depois não faltei à estreia em cinema.

É verdade que a sessão era às 00h30 minutos mas não resisti. Comprei o bilhete e lutei como um louco contra o cansaço que se começava a apoderar de mim (a idade está a fazer cada estrago).

Entrei na sala 20 minutos antes porque os bilhetes não tinham lugares marcados (mas que estranho...mas no Corte Inglês começo a achar tudo normal!). Sentei-me e rezei para me manter acordado quando o filme começasse.

 

As apresentações chamaram-me a atenção (especioalmente o Eagle Eye...que estreia em 2009) mas não o suficiente para ficar mesmo acordadinho da silva.

Até que as letras da Lucas Film brilharam...cinco minutos depois do filme surgir no ecrã estava mais do que desperto, atento a todos os pormenores, a todas as piadas e a um filme que me deixou maravilhado.

A fórmula está lá toda: a simplicidade, a aventura fabulosa, as coisas incríveis e impossíveis, os bichos horrorosos, o chicote... e até a idade de Indiana Jones e da sua parceira.

Vão ao cinema e vejam o novo Indiano Jones- não se vão arrepender!

 

 

publicado por Psyhawk às 10:23

Já está tudo louco

Já começaram a aparecer as bandeirinhas pela varandinhas, a pedido- acho eu- do senhor Scolari (ou então deu na cabeça do tuga que assim se apoia melhor a selecção), só se fala do Miguel Veloso e do Cristiano Ronaldo (arghhhhhhhhhhhh!) e a cabeça dos portugueses já entrou em paralesia cerebral. Esquece lá o aumento da gasolina que está a deixar o pais virado de pernas para o ar, as porcarias do mestre Sócrates- que são tantas que até assustam- e tudo o que é importante neste mundo. O que interessa é saber quantas horas treinam os craques, que mensagens mandam as familias e aos portugueses (vejam-se aqueles maravilhosos anúncios da TMN- pobreza!), qual é o objecto favorito que vão levar para a Áustria e Suiça, etc, etc, etc...

Há conferências de imprensa uma dez vezes por dia para não se dizer absolutamente nada....

E ainda nem sequer tocaram na bola.....

Já estou a dormir com tudo isto!

Felizmente sou imune à febre (não é novidade) e já comecei a traçar a minha vida para esses dias esplendorosos (esperemos que o sol também não meta greve como a cebça dos tugas) quando Portugal jogar: cinema, praia, e muito lazer nas esplanadas de Portugal.

publicado por Psyhawk às 10:14

18
Mai 08

 

Tem sido um processo dificil achar a casa de sonho.

Acho que relato este drama há mais de três anos aqui neste blog.

Há sempre uma coisa qualquer que realmente me chateia nas casas qwue vou ver...ou então é a pessoa que as mostra que não tem jeitinho absolutamente nenhum! Ou é a vizinhança, ou a casa é feia, ou precisa de demasiadas obras ou simplesmente não me chama a atenção. Isto já para não falar quando estão ainda mobiladas com as coisas dos donos que a vão abandonar. Há cada coisa tão terrível! brrrrrrrrrrrrrr. Parece que este pais foi construido no mundo do Brik-à-Brak. Muito gostam as pessoas de santinhos e de loicinhas e rendinhas...brrrrrrrrrrrr, mewdo!

 

Bem... foi assim até recentemente.

Estava já a desesperar...confesso que estava

Até que vi 3 delas num único dia.

Confesso que a minha esperança era nula. Até que subitamente todas as pecinhas se começaram a juntar. A luz, a disposição, a vizinhança, o espaço... subitamente na minha cabeça comecei a desenhar como arrumar moveis, pintar paredes, etc e tal. Era a tal! Senti que era aquela. Só com um senão...

A ex-ex-propietária (eu vou ser o terceiro dono em menos de 30 anos) que era uma senhora de oitenta e tal anos tinha um gosto...como é que hei-de explicar...péssimo!

Mesmo assim a remodelação feita pela ex propietária (que pelo que soube esteve lá só enquanto fazia as obras...uma querida!)  acabou com o mau gosto todo. Ou quase...

 

Resta a maldita casa de banho. Pintada com cor de burro quando foge, e com azulejos que mais parecem sabe-se lá o quê (tipo um ser peludo desenhado no azulejo...acvreditem é terrível) parecia que era o que ia condenar aquela casa.

Mas depois...fez-se luz e num gesto de boa vontade comecei a pensar como a transformar.E lá aceitei fiocar com ela

Agora só fresta o maldito banco aprovar o crédito e tudo começa a colocar-se nos eixos. Ou não!

 

 

publicado por Psyhawk às 13:07

14
Mai 08

 

 

 

 

Sócrates...

 

 

 

Ele faz leis

Ele dita verdades

Ele aumenta impostos

 

Tudo com cara de pau e dizendo sempre estar do lado da lei

 

Mas quando é apanhado num avião a fumar que nem um desalmado, mais a sua comitiva, alega que não sabia que nos aviões de hoje não se pode fumar.

A companhia area- burros como só eles- corre em defesa do incauto, e até está disposta a pedir desculpa por ele...

Mas Sócrates é um homem que enfrenta a verdade e o seu pais de queixo erguido. Ou pelo menos vai tentando!

Vai dai inventa uma tanga qualquer para os portugueses o ficarem a compreender melhor e perceberem o seu drama.

 

Mais promete mesmo que vai deixar de fumar a partir de agora...

 

Pago para ver!

Não dou nem 15 dias e o tipo já foi apanhado por um paparazzi qualquer de cigarro na mão. Há promessas que o povo esquece, porque tem a cabecinha de alfinete- veja-se as gasolinas, os impostos e afins- mas há outras que não e aguarda pelo mais pequeno deslize para apontar o dedo .

E esta pode ser a gota de água!

publicado por Psyhawk às 23:05

Maio 2008
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2
3

4
5
6
7
8
9

11
13
15
16
17

19
20
21
22
23

26
27
29
31


subscrever feeds
mais sobre mim
pesquisar neste blog
 
blogs SAPO