Onde todos podem uivar o que quiserem... vejam por mim!

25
Mai 07

A experiência vai ditando umas coisas.

E porque acho que partilhar está na ordem do dia fica aqui um resumo do que fazer...e do que não fazer num belo espectáculo ao ar livre...ou num pavilhão...ou...caso calhe, num estádio.

1- És alto? Não?  Então corre. É preferível apanhar uma seca e chegar mais cedo do que passar o tempo todo a olhar para os ecrãs ou a tentar ganhar mais uns centimetros aos pulinhos. Mais, pode-se ter a sorte de chegar mesmo cedo e ficar, naquela área especial dos 1000 primeiros e ter uma série de benesses, como poder ir à casa de banho sempre que quiseres sem perder o teu lugar lá na frente. Acredita, nesses dias dá tanto jeito!

2- É alto? Se a resposta é sim então meu amigo, resigna-te e chega tarde. Mais...não vás de todo...os baixos tem direito a ver o espectáculo e não a ver as tuas costas, cabelo e sovaco! Percebeste?

3- Levas a cara metade? Se for para verem o espectáculo a dois, aconselho que fiquem perto do palco. Vê-se melhor, sabe melhor e a emoção pode levar a que depois...ai depois...

4- Levas a cara metade? Levas e ele ou ela não gosta? Então que tal um de vocês ficar em casa e não ir chatear os outros? Para ocupar espaço já lá está a multidão que realmente quer ver o concerto! Gente chata é que não. Bem basta o tempo de espera em pé!

5- E a comidinha?...Pois... é bom que a comas toda antes de entrares no estádio ou seja lá onde for, porque caso contrário vai para toda ao lixo. As novas regras ditam que se queres comer tens mesmo que gastar dinheiro dentro do recinto a encher-te de merdum! O resto...o resto fica no lixo para dar aos pobrezinhos! NOT

6- Tens  máquina fotográfica? Optimo...mas só se for mesmo boa. Porque para estares a chatear os outros a tirar fotos ao ar, esquece! É giro uma foto ou outra, mas tapar a vista aos outros e perder o concerto por causa da merda da foto...só se tiveres memória de passarinho.

7- Queres ir gira/o? Esquece. Opta pelo prático. Saltos e roupa da moda é mesmo para gente parola. Que tal uns ténis, calças largas e desportivas. Garanto-te que a passagem de modelos não é definitivamente ali!

8- E agora...aproveita para pôr a paciência a funcionar. Porque esperar é a regra número um destas coisas. E não vale a pena empurrar, protestar e espernear. Vais esperar na mesma...quer queiras ou não!

8- E agora...já agora...em vez de caires de pobre de bêbado e todo charrado...que tal um concerto mesmo ahm?

E aqui estão algumas dicas. Não ficaram satisfeito? Pode ser que se arrangem mais para a próxima!

publicado por Psyhawk às 19:36

1 comentário:
Pois eu que costumo ser a "papa concertos", confesso que nunca apanhei grandes secas. Devo ter muita sorte, mas a verdade é que chego sempre pouco mais de 1 hora de antecedência e nunca fico assim tão longe do palco!

Tens razão numa coisa: ir prático! Faz-me confusão como certo pessoal vai para um concerto como se fosse desfilar! A não ser que o espectáculo seja no Casino Estoril, a bela da calçinha de ganga e calçado bem confortável é do melhor!

Beijocas
Ana a 25 de Maio de 2007 às 22:38

Maio 2007
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2
3
4
5

6
7
8
9
10
12

17
19

20
26

29


mais sobre mim
pesquisar neste blog
 
blogs SAPO