Onde todos podem uivar o que quiserem... vejam por mim!

22
Out 07

Eu realmente não compreendo algumas pessoas. Não consigo, que querem.

O senhor não me parecia inculto nem nada que se parecesse, mas o acto que tomou deixou-me aparvalhado.

Estava eu no balneário quando vejo um homem chegar a protestar. Tinham-lhe roubado os ténis, dizia. Fiquei chateado, porque sempre julguei o ginásio seguro, e preocupado pois temia que um dia me acontecesse o mesmo.

Foi assim que me senti por 30 segundos...

...até perceber a história.

Um dos rapazes lá do Holmes veio tentar perceber o problema do homem e aqui fica a conversa:

- Então o que é que lhe roubaram

- Uns ténis!- diz indignado o homem- Eram novinhos e de boa marca.

- Então, mas mexeram-lhe no cacifo, foi?

- No cacifo?- perguntou o homem como se aquilo fosse algo do outro mundo

- Sim. Abriram o cacifo? Mexeram-lhe no seu espaço?

- Não!- respondeu indignado, fazendo o rapaz parecer parvo

- Então explique lá- pediu o rapaz um pouco aparvalhado

- Eu quando vou tomar banho deixo sempre os meus ténis aqui fora. Debaixo do meu cacifo, para apanharem ar. Nunca demoro mais de 10 minutos. E hoje chego aqui e roubaram-mos!

- Mas não estavam no cacifo?- repetiu o rapaz

- Já lhe disse que não Estavam aqui em baixo!

O rapaz rebolou os olhos

- Mas o senhor sabe que aqui estão à mercê de qualquer um que passe. basta uma pessoa mal intencionada.... Dentro do cacifo estão seguros. Por isso é que as pessoas do Holmes tem um cadeado e um cacifo. para que isto não acobteça. Dentro dos cacifos os objectos estão seguros... se vai ausentar-se dos seus pertences mais do que uns minutos, não convém deixar nada á mão de semear. Para que não aconteçam estas coisas.... percebeu?

- Eu quero lá saber- dizia o homenzito- Quero os meus ténis. Como é que é possível que os senhores achem isto normal. Eu pensei que isto era seguro.

- E é- disse o rapaz. - Mas é ainda mais quando as coisas estão dentro dos cacifos, especialmente as coisas de valor...como os seus ténis.

A luta continuou mais uns 15 minutos.

Confesso que depois me aborreci.

Não me apetecia ouvir o ignorante do homem. Ou ele pensava que por estar num balneário a mão alheia não existia?

Ele pensava que os cacifos eram para o quê? Fazer crescer o oxigénio?

Há gente que não devia ter direito a ter cérebro!

publicado por Psyhawk às 22:09

9 comentários:
Permite-me que discorde totalmente de ti. Eu também faço parte do Holmes e ainda hoje fico pasma com a paranóia com roubos e sei lá mais o quê que ocorre naquele espaço. Em nome de se descartarem da responsabilidade sobre a propriedade alheia, os avisos são constantes e ainda ganham algum dinheiro com os cadeados. Mas a verdade é que o homem até tinha razão. Se deixasse os ténis na rua ainda se percebia que desaparecessem porque sabe-se lá quem é que passa, mas estamos a falar de um balneário onde para todos os efeitos os nossos pertences deveriam estar seguros nem que fosse por 10 minutos. Estamos lá todos para treinar e não para roubar, parece-me. Afinal, quem paga a mensalidade brutal do Holmes em princípio não deveria precisar de roubar nada. Mas enfim, a cleptomania é um desporto das classes mais endinheiradas. E digo isto literalmente.
Que o homem te tenha tirado o sossego quanto à segurança do Holmes é que eu não compreendo. O balneário da Defensor de Chaves tem tantos avisos que parece a entrada de segurança de um aeroporto. Por isso deixa lá o senhor queixar-se que ele tem, pelo menos, alguma razão. E um par de ténis a menos.
rocket woman a 23 de Outubro de 2007 às 11:45

Não deixa de ser grave terem roubado os ténis do senhor dentro do ginásio. Isso só revela que as pessoas que o frequentam não são de boa índole e isso sim é preocupante.
Sahara a 23 de Outubro de 2007 às 15:49

Pois é caro amigo existe gente para todos os gostos e capazes de todos os gestos. O teu homemzinho deixou os ténis de fora para apanhar ar e na volta apanharam uma corrente e voaram he he he arejados para sempre . Não há pachorra para gente como essa meu amiga, não há mesmo!
Abraço
Afgane a 23 de Outubro de 2007 às 22:03

ahahahha, lindo, é uma verdade que gente burra é que não falta por aí!
Belita - party-girl a 24 de Outubro de 2007 às 10:47

Meu querido,

Se lá existirem avisos sobre a não-responsabilidade do estabelecimento por quaiquer danos ou furtos, vá que não vá. Para isso existem os tais cacifos.

Não existindo, é certo que o homem teria alguma razão.
Allie a 24 de Outubro de 2007 às 19:05

Pois, eu concordo com a Paula, quando diz que não se admite que quem pague 84 € por mês, para frequentar o Holmes, precise de furtar uns ténis. Sé se for na óptica, que depois de pagar tal mensalidade n tem € para comprar sapatos, lol.
De resto, não há dúvida que os tipos do Homes se pretegem bem juridicamente, pois q avisos de desresponsabilização é o que n faltam.
Susana a 26 de Outubro de 2007 às 15:00

É preocupante saber que neste sitios como o Holmes Place...que não pagamos assim tão pouco, aconteça cenas de roubos...isto é o que pensamos nos primeiros segundos após a noticia. Mas é precisamente nestes lugares que as coisas mais estranhas acontecem...não é só no Metropolitano ...

O empregado do Holmes Place tem razão quando explica a função dos cacifos com cadeado...

Nota: Um dia disse a uma amigo meu que gostaria de viver num condomínio fechado.
Oferece maior segurança para as nossas casas e para as crianças... pergunto-me será??? E se o vizinho do lado é um mafioso!!!
rabat_bat a 26 de Outubro de 2007 às 15:49

Tenho algo a comentar, já que no passado dia 31 de Março de 2009, enquanto estava no ginásio superstar, a minha mala de senhora foi furtada!Tinha o meu cacifo fechado com a respectiva chave que esteve sempre comigo desde a minha hora de entrada até eu sair da minha aula de grupo e qual o meu espanto quando chego ao balneáreo e vejo a porta aberta e sem a minha mala!!!! Seguro seguro nada o é!!!
Para além de ficar sem qualquer documento, chave de casa, carro, óculos sol e de ver, MP3 e outras tralhas que qualquer senhora carrega na sua mala (fazendo as contas a tudo e incluindo as despesas todas rondam a 850€)ainda fui acusada pelo ginásio de ser eu a culpada do sucessido!!!!
Começaram a por em causa o facto de eu ter ou nao levado mala e por aí a diante, para não falar do modo como conduziram o processo, sempre descartando qualquer responsabilidade.
Resumindo, o ginásio não tem seguros contra furtos em horário laboral, os donos do ginásio descartaram-se de todos os encargos e ainda agiram como se não fosse nada de grave, desculpando-se com o facto de nunca ter acontecido tal coisa.
Nunca sucedeu, mas desta vez aconteceu e em grande!
Quem perdeu horas de trabalho para se deslocar ao banco, á loja do cidadão, quem pagou por tudo fui eu, porque como é claro a culpa é minha por frequentar um ginásio, colocar os meus pertences num cacifo fechado e por ter andado com a chave todo o tempo.
Será que devia ter deixado os meus bens fora do cacifo?
Gi a 5 de Abril de 2009 às 13:22

O homem era bom?...
Laura "Bouche" a 25 de Fevereiro de 2012 às 00:44

Outubro 2007
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2
3
4
5
6

7
8
9
12
13

15
18
19
20

23
25
27

28
29
30


mais sobre mim

ver perfil

seguir perfil

3 seguidores

pesquisar neste blog
 
Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

blogs SAPO