Onde todos podem uivar o que quiserem... vejam por mim!

28
Mar 05

Lost.jpg


Poucas vezes enalteço a nossa televisão. Especialmente porque não há nada para aplaudir ou simplesmente dizer bem. Mas a RTP, apesar das horas algo ridículasa que exibe as coisas, tem conseguido agarrar algumas das melhores séries que os EUA produzem e mostrá-las antes da meia noite. Depois de Smallville, Sete Palmos Debaixo da Terra, 24, CSI, The OC, lembraram-se de agarrar uma das séries mais brilhantes de sempre: Lost.


Quem ainda não viu não sabe o que está a perder. Há um bocadinho de tudo para toda a gente: drama, acção, mistério, crime, terror, humor, e acima de tudo um argumento brilhante que certamente nos vai supreender até ao fim da série.


LOST: Todos os domingos á tarde É uma pérola que ninguém no seu verdadeiro juízo deve perder.


 E se alguém da TVI andar pelos blogs a ver do que é que as pessoas gostam, percebam que é de séreies de qualidade e não de misérias como a Baia das Mulheres.


Já agora, eu sei que devemos defender o que é nacional, mas colocar séries ultra premiadas, como é o caso do West Wing, As Feiticeiras e Will&Grace -só para falar de algumas- depois da meia noite é um absoluto desrespeito pelo público que gosta de se sentir minimamente estimulado a ver televisão.


 Toca a pensar...Ok gente? Nem toda a gente quer ver produções nacionais em catadupa (às duas e às três horas de cada vez e quase sempre sem qualidade) sempre do mesmo género.


Ahhhhhhhh, e não venham dizer que não conseguem audiências com as séries internacionais. Porque se não as colocarem em horários dignos de respeito nunca vão saber se conseguem ou não. Vá...toca lá a azer alguam coisa pelas pessoas que gostam de ver mesmo televisão!


 Mas voltando à vaca fria. Não esqueça...LOST é uma das séries mais espectaculares de sempre. Só é pena que ja só faltem 16 episódios para o fim da primeira série.

publicado por Psyhawk às 00:16

1 comentário:
Concordo contigo em tudo. Aliás recentemente escrevi uma coisa semelhante no meu anéis de saturno.
Perdidos é uma excelente série que merece bem mais do que ter dois episódios enlatados no início da tarde de Domingo, quando em prime time temos concursos da naúsea, produções europeias feitas no quintal do primo do realizador, novelas brasileiras e portuguesas que já nem graça têm na sua mediocridade e a cereja no topo do bolo, o fabulosamente novo rico, apeneleirado," estou demasiado gordo e louro" para ter piada Herman José.
Não há explicação e depois dizem que as pessoas entre os 25 e os 35 anos não vêem televisão. Já ouvi o sr da Sic Radical falar em falta de tempo. Também, mas a verdade nua e crua é que sem ser às três horas da tarde dos fins de semana não há nada para ver.mandras
</a>
(mailto:mandras@iol.pt)
Anónimo a 31 de Março de 2005 às 21:24