Onde todos podem uivar o que quiserem... vejam por mim!

16
Jun 04
Era só para dizer que é excelente. Magnifico. Maravilhoso. Simplesmente genial.

Quando é que há mais?
publicado por Psyhawk às 01:03

...quem não o fez já?
Pois eu fi-lo ainda há um post atrás e agora que o li sinto que já passou.
É como se tivessem solto uma boma relógio aqui dentro que tinha aquela hora para explodir e que devido a circunstâncias extras acabou por o fazer ainda mais cedo e de uma forma ainda mais violenta.

Será que é assim que os Hooligans se sentem antes de atacar?
Espero que isto não seja uma influência do quase omnipresente Euro, na minha pessoa. Seria demasiado terrível! Seria quase como... como o quê? Não sei, mas devia ser muuuuuito mau!

A propósito...livrem-nos destes Hooligans...já chega! Já fizeram a asneira...
PODEM VOLTAR PARA CASA...ok?
publicado por Psyhawk às 01:00

15
Jun 04
Tenho me abstido de fazer comentários aos palavreados, ás vezes rudes, grosseiros e pouco simpáticos que fizeram no meu Blog sobre a Britney e a minha pessoa.

Conclui também que ninguém leu o que escrevi. O que é natural... já ninguém gosta de ler.

Eu nunca disse que o espectáculo foi perfeito. Eu nunca disse que foi a maior coisa do mundo. Apenas disse que não foi uma merda! E lamento nesta exaltação que o dia me pôs e que ninguém tem nada a ver com isso, usar esta palavra grosseira.

Que foi uma passagem de Lingerie...sei eu. Eu estava lá...E vocês, estiveram? Muitos parece que não!!!!Viram pela televisão, que dava mais jeito e não fazia gastar dinheiro (boa decisão!)... mas não vos dá o direito de enchovalhar.

Quanta porcaria passou por lá e eu não disse nada ahm? Devia que era o que mercia muita gente que acha que os alinhamentos estavam bem feitos e que apesar de jornalistas exemplares não leram nem uma linha do que se disse nos jornais estrangeiros sobre a porcaria de alinhamentos dos dias 5 e 6...

E lamento dizer para quem achou que aquilo estava organizado e que não viu as intoxicações alimentares, as pessoas fartas de deseorganização, os rock que só se podiam destrocar às 2 da manhã e que só davam para um dia, e a tenda vip que para além da comida de jeito, como um certo RP disse (porque passou por lá o cu e nada mais fez...de certeza era da organização e nada mais!) nada mais tinha de bom...com excepção de umas meninas a dançar voluptuosamente (Marta Cruz) e outras a dar um show de loucura (Pimpinha Jardim) - eu sei, porque estive lá- e claro, aqueles idiotas que apenas foram para lá porque tiveram bilhete de borla... como aliás tiveram tantos outros através dos estúpidos concursos que existiram por ai, tudo porque para além da publicidade o Rock in Rio foi um absoluto fracasso! Bilhetes vendidos...mesmo muito poucos para quem queria 500 mil...nem metade meus lindos!

E lamento que a minha opinião seja sempre contrária à das outras pessoas. Quer dizer que não vou com a maralha e que pelo menos penso de maneira diferente e pela minha cabecinha e não pelos jornais ditos de referência.. coff coff...

Claro que não digo que tenho a opinião certa como uns e outros.. mas as opiniões, como diz uma amiga minha são como as vaginas...e têm que ser respeitadas Ok? Oh Custa muito!!!!!! Eu respeitei que não tivessem gostado...agora insultar o meu eu não! Lamento mas isso não pude admitir.

Claro que adorava ter visto a Alicia Keys que pela televisão pareceu ter sido absolutamente fabulosa, ou o Sting, sempre perfeito. Mas não pude porque tive mais que fazer. Lamento!

Lamento para quem nada tem a ver com isto, mas os dias de raiva são assim mesmo. E como uma lata de coca cola bem agitada, quando aberta só pode dar numa coisa: explosão! E foi o que houve agora e que detesto, pois normalmente não sou assim! Queria ter respondido de forma subtil, simples e sem alaridos, mas qualquer coisa em mim despoletou isto e odiei o que fiz.

Quantas vezes quis apagar isto. Mas não consegui.
Talvez isto me ensine qualquer coisa, nomeadamente a conter-me e a por as bocas de terceiros em oitavo plano como tantas vezes fiz, especialmente quando era de cariz grosseiro! Bem... tendo isto só tenho que pedir desculpa à Susana e ao Mandras (entre outros que não me lembro o nome) pela forma como escreveram, que foi sinceramente bestial..fizeram valer a sua opinião sem magoar ninguém!

Quanto ao resto... O Michael Douglas sabia o que lhes fazer...
Se não sabem...
vejam o filme!
publicado por Psyhawk às 18:49

13
Jun 04
É assim que está aqui no Sapo.

E pela primeira vez em alguns anos deixei que o fizessem. Não porque não me interesse, mas simplesmente porque não cheguei a tempo. Falhei por 15 minutos.
Mas não posso deixar de fazer notar que a data foi péssima. Não interessa o que os políticos disseram, de que as pessoas estão desencantadas ou não, o que interessa sim é que foi marcado numa altura que os portugueses, fartos de serem açoitados pela vida decidiram partir para a festa. (o 13 de Junho é sempre uma péssima ideia pois fica entalado entre dias que muitos portugueses aproveitam para tudo, menos para pensar!- Eu sei que eles lá fora não sabem... mas não podiam ter perguntado?)Quer com o Euro quer com uma ia prolongada até ao Algarve, Alentejo ou afins! Quiseram tirar os pesos da consciência e divertir-se, especialmente com a temperatura a subir até aos 30 e poucos graus...
E deixaram as responsabilidades para trás? Talvez! Acho que se fartaram por uma vez de serem responsáveis.
E por querer ou sem querer acabaram por dizer aos políticos: ou começam mesmo a trabalhar para nós ou nós não queremos saber!

Se foi uma boa ou má decisão...logo se verá...eu confesso: achei que foi muito boa da minha parte pois andava mesmo a precisar!

publicado por Psyhawk às 21:46

11
Jun 04
Pois é...
Vou partir...naquela estrada...até ao Algarve...
Quando chegar prometo explicar que o concerto das Sugababes não foi todo sentado...apenas uma música...(alguém anda a pecisar abrir a pestana) e porque é que o João Pedro Pais, apesar de odiar ser cantor e não saber lidar com as coisas boas da fama (aplausos e afins) conseguiu conquistar 70 mil pessoas...
Até lá bons banho de mar
e não se irritem
o sol brilha e o céu está azul
Sejas lá quem fores: beijinhos Jô...pelo menos gostei da intervenção!
publicado por Psyhawk às 20:05

10
Jun 04
Não sei onde andava o escritor desta obra prima mas agora que o descobri penso que nunca mais o vou largar. É por causa dele que saio nas paragens de autocarro erradas, e entro nos comboios em direcção contrária há que devia tomar...foi este livro que me pôs a olhar com olhos gigantescos para o quadro, A ùltima Ceia e foi com ele que dei por mim a planear da próxima vez que fosse a Londres ou a Paris visitar, alguns, outra vez, daqueles sítios que ele tanto fala.
Está a por-me doido. Vou na página 491...a apenas 39 do fim e isto está a por-me louco. Acho que hoje não vou dormir para ler isto.
Dan Brown de nome...um escritor excelente

Para quem não conhece, aconselho que comece com Angels and Demons (que antecede o Código de Da Vinci... há até certas piadas e curiosidades que só assim se percebem)...

Só há um comentário a fazer: 12 em 10! (a ambos os livros)
Ok...acho que enquanto espero que cheguem cá a casa para me virem buscar para o cinema vou dar mais uma lidinha...
publicado por Psyhawk às 20:48

Apesar dos alarmismos que já me soaram aos ouvidos, vindos de gente que adora sempre uma boa tragédia e ter alguma razão para protestar, estou a escrever neste momento porque estou feliz. Chegou em definitivo o verão e o calor abrasador...sem exageros claro. E embora eu já vá à praia há bem mais de três meses, agora é que vai ser mesmo valer. É nestas alturas que recordo com amor e carinho aqueles bem ditos 3 a 4 meses de férias que tinha no secundário e que agora fazem tanta falta.
Ai ai.
Mas que se pode querer. Pelo menos está cá o sol que promete, diz ele, não desaparecer tão depressa nem trazer a chata da chuva de volta. Oremos senhor!
publicado por Psyhawk às 20:32

Brit.jpg
O que estava eu à espera quando "Toxic" explodiu no palco Mundo do Rock in Rio?
Muito.
Tenho a dizer que esperava um dos melhores espectáculos de sempre da minha vida, elaborado, brilhante, glossy e cheio cheio de nada, mas brilhante.

O que obtive... é muito estranho comentar porque quando se vai à espera de demasiado, mesmo quando o que nos dão à boca é bom, nunca é perfeito. E não foi...

Eu sabia desde o início que Miss Spears não iria fazer o espectáculo normal: o palco não o permitia e além disso tinham-lhe apenas reservado 1h30...quando a Onyx Tour tem quase 2h15... por isso aquilo que devia ser a viagem num hotel de deboche, luz, cor e muito sexo, transformou-se num remix disso tudo... ainda para mais porque a menina estava a fazer um espectáculo para promover o seu último álbum In the Zone... por isso todos os hits dos primeiros álbuns foram pelo cano abaixo!

Resumindo...
Britney lançou-se com garra durante alguns temas. Era playback? Aqui fica a questão... sem dúvida que havia uma segunda voz por detrás. Mas para quem não sabe, mais de metade dos artistas utilizam já este truque, só que de forma menos descarada... esta voz serve normalmante para fazer coros, vozes estranhas e acrescentos de som... Spears usou-a demais e por isso parecia tanto que havia playback total.

Mas e o espectáculo? Como poucas vezes se viu.

Esta é a diferença entre a Pop e o Rock. O espectáculo. Enrique Iglesias já o tinha mostrado, Robbie reinou, Britney excedeu-se!
Não são só uns macacos para ali a tocar...é algo mais... é um comunhão, uma espécie de teatrialização do que se vê na televisão...
O certo é que foi uma viagem glamourosa, cheia de pontos altos , em especial I'm a Slave 4 U, Toxic, Everytime e Boys...

pena ter sido curto
pena a frieza
pena a double voice
pena não ter sido perfeito

Mas desiludiu? Não...ficou foi à quem!

O certo mesmo é que esse dia provou que as pessoas estavam ali para vê-la a ela e não a mais ninguém. 85 mil! (A Daniela teve que se contentar com metade...e já foi bom... ainda para mais segundo me contam muito em baixo de forma...mas sobre isso não me atrevo a falar pois não vi!)Homens, mulheres, boys and girls... todos queriam ver Britney. Só não estavam à espera era de tanto sexo...(como ficaram chocadas tantas pessoas quando Spears entrou a matar com Touch of Hand...que ainda para mais é sobre o orgasmo...e simulou, à La Madonna -isto das imitações tem que acabar- , sexo oral... tanta cara que desviou os olhos do palco!...de certo mal preparados, mas depois doq ue tinham ouvido falar, só podiam esperar isto!

O certo é que ela vai voltar...
mas desta vez por 2h15...
Quando?
Em Janeiro!

E na altura, se tudo correr perfeitamente, vai ser...glam!


publicado por Psyhawk às 14:19

09
Jun 04
Sugar5.jpg

Quem as conhecia? Muito pouca gente... com execpeção de uma música ou outra que a CIdade FM não se cansa de passar nos últimos dois meses. Seja como for deram um espectáculo onde não há nada a apontar. E cantaram todos os hits, que para quem não sabe consistem de uma mão cheia de números um e mais outra de top tens. Nada mau para uma desconhecidas.

Elas brincaram com o público, dançaram, disseram-nos adeus e até nos chamaram apetitosos e puseram toda a energia num espectáculo que tinha pouco a oferecer, já que não as deixaram quase alterar o palco que ficou assim despido de explosões, cores ou focos especiais. Mesmo assim elas deixaram todo o seu mel para um público que viam pela primeira vez e que as saboreava também nesta única performance. Que por isso mesmo nas três últimas músicas se entregou de alma e coração- quase me pondo sem respirar tal era a poeira que se levantava com cada pulo- a cada uma das músicas...são lindos o Hole in the Head e o Round Round ao vivo!!!!!!!!

Não levam o dez, nem sequer o nove...mas o apetecível oito em dez não lhes escapa, pois com tão poucos meios fizeram da simplicidade uma forma de estar. Simplesmente babes!


publicado por Psyhawk às 22:43

Chama-se Nuno Norte!
E fez uma proeza: cantou para a maior multidão que alguma vez vai conseguir encarar!
Quanto ao espectáculo: tens muito que caminhar!
Não adianta vencer os Idolos. Há que juntar-se a eles. E naquele momento ele continuou a ser apenas um aprendiz! Um novato sem feitiços, coelhos na cartola ou truques de última hora. Fez o que tinha a fazer e valeu-lhe um público à portuguesa: complacente e que lhe deu palmas suficientes para o fazer crer que as merecia.

Mas por momentos a chama brotou dele. Foi pequena mas mostrou que o futuro pode-lhe bater à porta mais depressa se ele souber gerir aquela fagulha. A música chama-se "Quem sou?", um apelo ao hip hop engraçado, com uma letra bem esgalhada que levou rapidamente à participação do público que o agraciou com coros e palmas.

Um momentos único que infelizmente foi trucidado por outro: uma versão rameira de Purple Rain! Qualquer pessoa que cantasse aquela música devia ser atirada contra a parede caso a intrepertasse como um momento de Karaoke.

Para se fazer aos clássicos este Nunito ainda tem muuuuuuuuuuuuuuuuuito que caminhar.
publicado por Psyhawk às 22:26

Junho 2004
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2
3
4
5

6
7
8
9
12

14
17
18
19

21
24
25
26

28


subscrever feeds
mais sobre mim

ver perfil

seguir perfil

3 seguidores

pesquisar neste blog
 
Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

blogs SAPO