Onde todos podem uivar o que quiserem... vejam por mim!

15
Ago 07

Como, perguntam vocês, e pergunto eu, resistiam os homens do Oriente as belas dançarinas do ventre? Como?

Como é que conseguiam estar ali sentadinhos durante várias horas a fio, a ver  aqueles corpos maravilhosos ondular em frente a eles sem deitar a mão... pois na religião muçulmana isso é pecado? Confesso que não percebo.

Aqueles corpos, na maioria belos, arejados, ondulantes, quentes, fazendo movimentos eróticos estonteantes, fazendo os olhos hipnotizar entre o ventre e um umbigo, entre as coxas e as pernas, entre as mãos e os braços carnais...

Confesso que não percebo como é que se consegue resistir assim tanto. Eles deviam optar por mandar a religião ás cucuais...ou então exigiam em casa, que pelo menos a enteada ou uam tia qualquer fosse dançarina, porque caso contrário só muitos duches de água fria, amputações ameaças físicas e outras coisas do género poderia parar alguém

Não sei, mas realmente é uma dança capaz de me deixar louco!

publicado por Psyhawk às 22:43

12
Ago 07

O que é a felicidade? Que sentimento é este que nos faz sorrir e sofrer? Que desejo é este que todo o mundo tanto deseja?

Afinal, não se conhece ninguém que, eventualmente na sua vida, não tenha querido ser feliz.Antigamente conseguia-se isso através de dinheiro, mulheres, casamentos, filhos...e pouco mais. As pessoas contentavam-se com pouco. Para elas o amor e uma cabana estava longe de se realizar e por isso qualquer migalha servia.

Hoje estamos longe desta míngua. Exigimos, queremos, lutamos, gritamos...por casas, carros, amor, compleição física, espiritual ou sentimental, por pequenas coisas e por grandes, por tudo e por nada...e há quem até espezinhe para atingir aquele nirvana que parece tão longe.

Umas vezes alcansa-se...outras aprende-se que se vai ter que lutar, espezinhar ou gritar mais. Que o que se fez não chegou. Ai, ou ficamos firmes e irtos ou desistimos.

Eu estou pronto para lutar!

publicado por Psyhawk às 23:22

10
Ago 07
Estas colocam-me na pista de dança até de madrugada

 

 

publicado por Psyhawk às 13:30

09
Ago 07

Foi este o tempo que ontem estive ao telefone com uma amiga.

Ela está lá longe, para os lados de Londres. Uma distância que a impede de todos os dias saber notícias dos que mais gosta. De coscuvilhar a vida alheia, de sorrir com a piada fácil e descobrir as novidades em primeira mão.

Foi por isso que estivemos ontem 47 minutos ao telefone.

3 quartos de hora de conversa simples, onde tudo se tornava novo, onde se confessava o inconfessável, e se declarava qualquer loucura.

Confesso que já tinha saudades destas minhas conversas com aquela minha amiga.

 

publicado por Psyhawk às 10:49

07
Ago 07

Foi graças à festarola de aniversário do nosso caríssimo Martini Man que fui conhecer o Kubo. Local arejado, muito divertido, cheio de gente gira e animadíssimo. Um local que tenta relembrar aos lisboetas o quão longe estão do Algarve e do fabuloso Sasha ou Niki Beach.

Decorado a branco, com camas engraçadas, colocadas por todo o lado (ou não fosse essa nova moda das disconights), deu um sumiço às luzes irritantes e aos strobs para deixar o público presente descobrir as próprias cores

.

Talvez tenha apreciado tanto a festarola devido à companhia. Entre caras velhas, outras novas e outras que já são do peito, lá fomos nós dançando a noite dentro e descobrindo novidades uns dos outros. Quem fala com quem, quem anda com quem, quem queria comer quem... só novidades! Houve mais, mas estas foram as mais interessantes...ou não fosse eu jornalista do cor de rosa! eh eh ehe

Mas a noite começou antes...bem antes.

Ao sabor dos Piratas das Caraíbas, versão pobrezinhos.

O que umas espadas de plástico fazem às pessoas. Blade, meu amigo, tu bem te esforçaste por ser o Johnny Depp mas ficaste um bocadinho à quem. Não sei se faltaram maneirismos se jeito com a espada, mas alguma coisa faltou. Talvez não te tenhas soltado tanto porque temias que a polícia, que olhou para ti várias vezes com ar desconfiado, te levasse dentro. E todos sabemos como é pouco agradável um encontro com os senhores do uniforme azul!

Seja comof or valeu apena

E tu Martini, não pareces ter mais de 25... LOL

E os cabelos brancos são só para o charme...nós sabemos!

publicado por Psyhawk às 11:58

06
Ago 07

 

Foi uma coisa, sensivelmente deste tamanho que ontem à noite morreu na minha casa de banho.

Meio ensonado, perto das quatro da manhã, fui fazer um xixizinho. Levei os óculos por acaso. Nem havia razão para tal, mas o instinto falou mais alto e peguei neles.

Fui até à casa de banho, fiz o que tinha a fazer e quando estou mesmo a sair do local, olho para cima e vejo uma coisa mexer.

Com o sono que tinha inicialmente pensei que estava a ver uma daquelas micro manchas de humidade ganhar vida, mas quando dois cornichos surgiram do nada tive a certeza: na minha casa de banho estava uma barat. Oh porra.

A minha primeira ideia foi matá-la logo ali...mas como quê?

Damn...

Ela lá em cima passeava alegremente entre o tecto e a parede. Puta...pensei! Ainda para mais estás a gozar com a minha cara.

Fechei a porta da casa de banho, fui a correr até à varanda buscar a esfregona e preparei-me para a matança.

Assim que entrei fechei a porta. E atirei com a esfregona contra o bicho que foi esmagadinho... pensei eu. Assim que a afasto começa a bicha a correr feita maluca pela parede. Acerto-lhe duas, três, quatro vezes. Agora estava no chão. Mais uma pancada na mona, mais outra...e a bicha a correr como se nada fosse com ela.Puta... voltei a pensar. Morre desgraçada!

Acordam as unidades parentais para ver o que se passa. Mãe grita...o habitual...o bicho desaparece.

Para onde foi? É a pergunta que passa pela cabeça de todos.  O objectivo é que ela morra sem sair da casa de banho!

E ali vem ela a correr à louca.

Foram precisas mais de vinte pancadas para ela deixar de se mexer. Porque parecia feita de ferro. Porra que nunca mais morria.

A risota fez-se ouvir na minha casa vinte minutos depois.

Que parvoice. Foram precisas três pessoas bem coordenadas para matar aquele miséria.  Que Miséria!

Realmente nós humanos somos mesmo uma desgraça!

 

publicado por Psyhawk às 12:55

03
Ago 07

 

A foto não tem nada a ver com o sítio onde estou, mas é só para referir, porque me apetece, que vou estar quatro dias sem fazer um corno! Yeahhhhhhhhhhhhhhhhhhhh

Vivam as folgas

publicado por Psyhawk às 12:24

02
Ago 07

Sei que a anervo quando escrevo mal sobre a mega deficiente Luciana Abreu. Incomoda-a e por isso expressa aqui a sua cólera.

Infelizmente, eu ligo puto para o que escreve para ai. Ou seja, a sua opinião vale 0

Se a incomoda tanto olhar para post maus sobre a tia Luciana, o melhor mesmo é desaparecer da internet... porque se ainda não reparou, além de precisar de óculos, não sabe o quanto é que a rapariga é repudiada por pessoas com mais de 5 anos....é que não falta gente a dizer mal desta chata! Porque não podemos negar. Aquele rico produto da SIC é pior que cuspir na sopa. 

Claro que pode estar apaixonada pela criatura, e ai só posso dizer: façam muitos filhinhos, mas desapareçam-me da vista. Mas mesmo longe...tá?

Obrigado!

publicado por Psyhawk às 20:01

Sou parvo, burro, estúpido, camelo... então aconselho as pessoas a ver programas dr qualidade e não lhes dou o melhor conselho deles todos? Tou-me a passar ou quê?

Se há algo realmente a evitar na televisão nacional, para além dos sete abaixo mencionados, é o maldito Só Visto e Amigos!

Eis um programa que tinha tudo para ser minimamente interessante, mas que um idiota como o Daniel Oliveira transformou num banho de água fria gelada.

Aquele labe cus da RTP (ou nunca teria chegado onde chegou) faz-se passar por jornalista de cordel da forma mais rídicula que alguam vez vi. Sem o mínimo conhecimento dos entrevistados- já se viu cada gafe que até doeu-, para conseguir que a dona maria, em casa, se sente á frente da TV, apela à lagrima fácil do entrevistado... como se isso fosse realmente fazer uma boa entrevista.

O programa é mal gerido, mal organizado e tudo por culpa deste ser, que só destrói aquilo que aquel espaço televisivo tem de bom: os convidados. Mas como o snehor Daniel tem que ser, o quero posso e mando, o centro das atenções, arrasa com aquilo...

 E é tão mau entrevistador e condutor do programa, que tenho a certeza que o Carlos Cruz, quando sentado em frente á sua televisão, durante a tarde, e outros senhores da TV, quando o vêem até se devem arrepiar todinhos.

publicado por Psyhawk às 00:22

01
Ago 07

Eu realmente não sei já o que fazer. Eu, que até gostava de ver televisão, vejo-me privado de o fazer porque não consigo estar em frente à dita cuja sem me apetecer vomitar.

Há uma razão simples para isso não acontecer. Se não fossem os meus benditos foxes, o belo AXN,a MTV e o VH1, já teria sido metido no Hospital por desidratação. É que os nossos quatro canais, com raras excepções estão recheados de programas tão maus que até doi. E há uns que devem ser mesmo evitados. Eis alguns momentos dolorosos:

1- Chiquititas- Confesso que durante anos fui fã da senhora Teresa Guilherme. Gostava de a ver ali a deixar os meninos dos Big Brother malucos com as suas perguntas. Além disso sempre a achei um prato como pessoa...ainda que ligeiramente possúida. Porém, desde que entrou numa de se tornar actriz e produtora as coisas tem vindo a decair de mês para mês. As malditas Chiquititas são a última praga. Mal feito, mal representado e tratando as crianças como deficientes, este produto da Amérioca Latina (só podia mesmo, com uam história tão estúpida como aquela)veio impecilhar a nossa SIC já cheia de porcaria. É um nojo ver tanta cor, metida ali sem razão ou tino. E aquela actriz...ai aquela actriz principal... medo, muito medo. Isto já para não falar do guião. Alguém dá aulas de guinismo e escrita inteligente áquela gente!

2- Floribella- E porque não há uma sem duas... Aqui reside uma das principais dores de rins do canal. A novela em si não tem pida, está a repetir a fórmula da primeira leva (que já de si era pior que curpir na sopa) e a maldita da Luciana Abreu continua tão má actriz como nos primórdios da série. Doi-me as entranhas só de saber que aquilo passa na televisão. E aquel sotaque que nunca mais desaparece....brrrrrr

3- Contacto- Haja programa mau de televisão. Entre o talk show pimba e a absoluta ignorancia a SIc brinda-nos (outra vez) com esta pérola de desgraças que podia não ser tão má (nunca seria boa, evidentemente) se não tivesse como apresentador o execrável Nuno Graciano. Ele é tão mau, tão mau que chega a doer. E tal como as Chiquititas gosta de tratar os espectadores como se fossem estúpidos. Ele não se deve olhar muito ao espelho pois não?

4- Superconcurso- Quando se quer dar nova vida aos velhos e conhecidos concursos da tellevisão, que prendiam milhares durante horas a um canal, faz-se tudo, menos ir buscar famosos para serem os concorrentes. Momentos televisivos que podiam ser brilhantes, passam a ser uma idiotice pegada. Até o Jorge Gabriel está por ali tão mal... E isto tinha tudo para ser o grande trunfo da RTP. Mas não... porque é que estamos sempre a abardinar tudo! Tem que ser tudo tão povão?

5- Tu e Eu- Á novelinha má. Não é que os actores tenham muita culpa, mas o autor, o senhor Manuel Arouca, quando estava a escrever aquele guião devia estar a dormir em pé. É cada idiotice que até doi. Ninguém fala assim. E depois os actores, que já perceberam que aquilo é mesmo uma verdadeira merda, não se entregaram ás personagens, vai dai, as cenas ainda soam mais falsas. Felizmente está acabar...

6- Praça da Alegria- Já não posso com o concurso das avós, com o gajo a tocar piano, com o Jorge Gabriel e tentar ter graça, e com aquela palhaça a fazer fugira de otária. Senão fosse a beldade da Sónia Araújo acho que era programa para suicidioem massa..

7- Factor M- Ah ah ah ah ah aha ha ha ha. Aquilo nem é um programa. Aquilo são apanhados não são? Já não há nada assim tão mau? Ninguém quer partir um televisor pois não? Ai Merche filha...vais de mal a pior. Até esse jeitinho brejeiro já enjoa. Brrrrrrrrrrrrrrrrr

E depois ainda querem que eu veja tv...ya...bem podem esperar! Sentados...num cadeira fofa...porque vão ter que esperar...bué... mas mesmo bué.... se calhar é mesmo bom arranjarem também uma almofada...molinha....

 

 

publicado por Psyhawk às 23:30

Agosto 2007
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2
3
4

5
6
7
8
9
11

13
14
16
18

23
25

27
28


subscrever feeds
mais sobre mim

ver perfil

seguir perfil

3 seguidores

pesquisar neste blog
 
Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

blogs SAPO