Onde todos podem uivar o que quiserem... vejam por mim!

15
Mai 05
Não seria o típico filme que me levaria a uma sala de cinema, mas a curiosidade pela realização, que na apresentação achei fora do comum levou-me até ao cinema.
O que vi foi uma mistura de clichés, artes marciais e inovações técnicas... e representações comedidas e interessantes. O filme não trás nenhum história transcendente nem nova, e apela facilmente á lágrima, mas há qualquer coisa de apelativo. E Jet li, que confesso, sempre desconsiderei por fazer filmes de porrada quase mensalmente, acabou por mostrar que de canastrão não tem nada. É verdade que o seu papel é muito estranho e salta da contenção para uma raiva quase animal em apenas segundos... mas não é assim que se vê que a capacidade de representação não é unilateral? Seja como for, acaba por não ser uma pelicula brilhante. Morgan Freeman está meio perdido, e Bob Hoskins faz apenas o que lhe é pedido. Seja como for, vale a pena dar uma espreitadela. E vejam a que ponto um homem se pode tornar cão!
publicado por Psyhawk às 12:19

Mais

Se preenchido, o e-mail é usado apenas para notificação de respostas.


Maio 2005
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2
3
4
5
6
7

8
9
10
13

17
18
19
20

22
23
25
27
28

31


subscrever feeds
mais sobre mim

ver perfil

seguir perfil

3 seguidores

pesquisar neste blog
 
Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

blogs SAPO